Travesti Carla Brasil Sendo Passiva Transando Sem Camisinha Na Pelo Creampie

visualizações

3 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , , ,

Travesti Carla Brasil Sendo Passiva Transando Sem Camisinha Na Pelo Creampie

Travesti Carla Brasil Sendo Passiva Transando Sem Camisinha Na Pelo Creampie

Casamos muito novos, temos 1 ano de casado e eu fui o unico homem na vida de Carla, ela é bem safada e toda vez que fazemos amor fantasiamos outro homem, ela se faz de puta, pede pra ser fodida por outros homens e diz que quer dar pra duas picas ao mesmo tempo, mas depois que passava o momento ela não tocava no assunto.

Tenho 23 anos, 1,74 m, 65 kg, cabelos pretos longos, tenho um corpo bem brasileiro, bunda grande, pernas grossas e boca carnuda.

Peguei uma camisinha e perguntei “QUEM EU VOU COMER PRIMEIRO?” ao que Karine respondeu “BOTA NELA”.

Ele chupava tanto mas tanto meu grelo que ele ficou inchadinho e minha xotinha toda desbeiçada, eu não conseguia parar de olhar pra ele lá embaixo se deliciando com a minha buceta carnuda e molhada, ele começou a meter dois dedos na minha xaninha enquanto me chupava até sair caldo, eu comecei a rebolar nos dedos dele, e assim seguimos por mais dez minutos, ele levantou quando ouviu uma batida na porta do banheiro, era minha mamãe perguntando se eu estava ali, ele safado, tirou o pau pra fora uma rola grossa preta, e com o cabeção meladinho, e mandou eu ficar de quatro eu não podia pq lá fora estava minha mãe, ele me colocou apoiada na pia, e com o bundão empinado pra ele, e começou a meter no meu rabinho virgem, ele safado um cachorro se aproveitou que eu não podia gritar de jeito nenhum e começou a me enrabar sem dó nem piedade, eu mordia meus braços pra não gritar, ele socava e eu sentia minhas preguinhas do cu apertado se abrirem, a dor foi amenizando e a ideia de saber que eu tava sendo fodida enrabada por um macho gostoso, safado, e experiente lá dentro do banheiro enquanto meus pais estavam lá fora me procurando me deixou mais excitada, todos preocupados comigo e eu dando meu rabo gostoso, foi quando eu ouvi meu pai gritar meu nome desesperado, ligava pro meu celular que tinha ficado no meu quarto, e nisso eu senti a porra quente e gostosa do negão caralhudo escorrer cuzinho à baixo… que transa gostosa, pena que foi rápido, mas vamos marcar a próxima""Depois que minha mãe saiu ficamos vendo filmes e ele sempre me olhava.

O que vou narrar hoje aconteceu a cerca de dois anos atrás, eu e minha esposa tínhamos a fantasia de transar com um travesti bem feminino e bonito, uma certa noite depois de tomarmos alguns drinques pelo centro da cidade em que moramos ao nos dirigirmos para casa, resolvi dar uma passada num certo setor que sei era ponto de travestis, minha esposa se animou quando viu uma morena, alta, cabelos pretos e compridos, realmente linda, coxas grossas, seios bem feitos, uma bunda enorme e linda.

Mas o fato que não é sobre minha situação financeira que tenho desejo de comentar por aqui, e sim sobre minha sexualidade, totalmente passiva no bissexualismo masculino, e isso desde 12/13 anos….

Olhei pela janela do escritório e via as meninas ganhando dinheiro e transando livremente.