Novinha brasileira enfiando comida na buceta

3 min

Categoria:

Tag: , , , , ,

visualizações

3 min

Categoria:

Tag: , , , , ,

Novinha brasileira enfiando comida na buceta

Novinha brasileira enfiando comida na buceta

"Eu fudi minha professora nas férias, ela é uma cora de 40 com tudo em cima e ainda casada com um cara muito chato, eu estava na casa dela para ajeitar o computador da filha dela já eram 15:40 e seu marido estava no trabalho e a filha estava na casa de uma amiga , lá estava eu ajeitando e minha prof vem me oferecer um lanche, ela estava linda de shortinho curto e uma camiseta folgada e dava pra ver que estava sem sutiã, eu prontamente aceite imaginando em lancha-la e fomos para a cozinha onde ela fez um sanduiche e suco para mim, eu não tirava os olhos de sua bunda e quando ela virou que me viu paralisado olha sua linda bunda soltou um sorriso e disse que eu estava muito quieto e eu disse a ela que estava com vergonha pois estava achando estranho e ela veio se aproximando e olhou bem dentro dos meus olhos, eu tomei coragem e a beijei ela retribuiu então percebi que era hora de atacar então levei ela para o quarto e meti na buceta gostosa dela ela gemia feito uma loucaÀs vezes, ele passava alguns dias na minha casa, às vezes eu passava alguns dias na casa dos meus tios, e a programação era sempre a mesma: jogar bola, brincar, jogar videogame, uma eventual praia ou clube, e essa era mais uma dessas visitas.

Lambuzei bem o cuzinho dela que a essa hora há estava meio aberto, passei muito KY dentro e fora e Carlos foi enfiando bem devagarinho.

Em casa ninguém desconfiou, provas de vestibular são demoradas e não falaram nada, a noite com a conciência pesada dei um trato caprichado na patroa,não queria deixar rastros…Os próximos tres dias foram muito especiais para mim, me achando muito gostoso pensava afinal o que tinha feito para merecer uma novinha assim, uma coisinha tão gostosa. Tenho 36 anos, e o meu gatinho de apenas 19, sou casada mas meu marido esta para o Japão a 03 anos, a trabalho (Sou Brasileira). Naquela noite de Sábado, peguei a Lucia e a levei para uma pousada de abate, já no quarto começamos a nos beijar, e cada vez mais o tesão aumentava e Lucia me confidenciou que não transava a quase 1 ano, e ao saber disso fiquei mais excitado ainda, deitei ela, tirei toda sua roupa, deixando-a pelatinha prontinha pra ser comida, abri as pernas de Lucia e comecei a lamber toda a sua bucetinha apertadinha, passava a língua no seu crelinho e ela se contorcia toda morrendo de tesão em minha boca, chupei a sua buceta por pelo menos uns vinte minutos, foi quando ela pediu para chupar meu pau, ai eu falei pra ela que ela tinha de ficar de joelhos e implorar por um pau bem grosso.