Menina loirinha gostosa pelada

30 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , ,

visualizações

30 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , ,

Menina loirinha gostosa pelada

Menina loirinha gostosa pelada

Em seguida ela me fez deitar e me olhando nos olhos foi abrindo meu ziper, dizendo: – Lembra que te falei que gosto? Eu disse: – Chupar um pau? ela rindo respondeu: – Sim, amo! chegou a hora de chupar o seu, valeu a pena esperar né? Risonha ela envolveu meu pau duro com mão e começou a me punhetar bem gostoso e dizia que estava admirada com minha vara e faria de tudo pra engolir tudinho.

Fico louca rebolando em cima dele imaginando ser um desconhecido que está me fodendo. A camisola curta dava uma fantástica visão das coxas da menina, e eram tão roliças e tentadoras como ele sempre imaginara.

– O que foi? Acabou o sol?– Hã… antes fosse isso, a Paulinha me pediu para subir e ficar aqui com você, ela quer nadar pelada com o William e acha que ele ficaria com vergonha se estivéssemos lá.

De repente ele me pegou no colo e me colocou deitada sobre a cama, eu senti que a partir daquele momento, uma das sete maravilhas do mundo, estava totalmente exposta a sua visão, pronta e liberada, para ser penetrada e devorada, por uma bela pica dura e faminta, quando o meu irmão viu, que realmente a minha bucetinha era loirinha, ele ficou paralisado, olhando e admirando, aquela bucetinha de pelos dourados, primeiro ele alisou, acariciou, massageou, beijou e depois começou a chupar, ele chupava a minha boceta e massageava o meu clitóris, com muita delicadeza e carinho, eu estava entregue ao delírio e ao prazer, comecei a rebolar e ele, me fez gozar duas vezes seguidas. Ele começou a contar estórias e foi evoluindo para estórias eróticas, eu gostava porque não conversava sobre isso com ninguém.

Era tão gostoso a n consegui parar até q gozei desde então aquele foi meu alvo o aparelho de massagem me proporcinou muitas gozadas gostosas e so parei com isso quando perdi a virgindade. Por volta de meia noite minha esposa saiu para encontrar o seu “amante” , sabendo que deveria voltar no máximo as três da manhã.