Kyky Trans Mamando E Dando Pra Negão De 23 Cm Em Porto Alegre

3 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , ,

visualizações

3 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , ,

Kyky Trans Mamando E Dando Pra Negão De 23 Cm Em Porto Alegre

Kyky Trans Mamando E Dando Pra Negão De 23 Cm Em Porto Alegre

Foi quando o Geraldo falou e aí cara vai pagar a aposta ou não?E Anderson pediu calma… e todos rimos alegres e excitados…Geraldo e Expedito vieram tomar um banho na piscina,tiraram as cuecas e vimos o que o Anderson ia se deliciar;o cara (Geraldo) era um tanto dotado,o pau do cara devia medir uns 19 cm grosso e tinha os pelos aparados e saco bem raspado;Expedito,o moreno,também tinha um pau do mesmo calibre e grosso circuncisado;entraram na piscina e começaram a se molhar;e me perguntaram se o cara ia pagar mesmo a aposta;respondi que éramos machos de palavra.

Ela passava a mão em nossos paus por cima da bermuda,acariciava e colocava a boca,estávamos nos deliciando,ela tirou nossas bermudas e cuecas,chupava e lambia um enquanto punhetava o outro mas eu estava com muito tesão e mandei Leona ficar de quatro e fui enfiando meu pinto no seu cuzinho, primeiro a cabeça,fui metendo devagar e vi que entrou até as bolas,ela falava que eu adorava comer seu rabo e gemia,eu segurava sua cintura e comecei a comer seu cu,sentia espasmos no meu pau pois seu buraquinho dava contrações,Lucas também se posicionou de joelhos na frente de Leona segurando o pau na mão,ela pegou seu cacete e chupava como uma gulosa,ele também gemia de prazer,era muito bom ver aquela cena,eu via meu pau sendo engolido por aquele rabinho tesudo e via ela mamando no pau de Lucas que gemia e empurrava sua cabeça para fazer mais pressão,Leona estava como uma verdadeira escrava sexual,eu masturbava sua bucetinha esfregando meus dedos,ela se contorcia, sussurrava e gozou,ficamos assim por um tempo até que Lucas falou para ela que estava louco para comer aquele cu com bastante tesão,ele ficou sentado na cama com as pernas no chão e foi enfiando seu cacete no cu de Leona e disse:Hum,que gostoso,faz o meu pau enlouquecer no seu rabinho faz. Quando abri a porta, Alê tava no sofá, já meio sonolenta, reclamou com a voz embolada: – Porra, Raquel! Que demora! Tava dando lá dentro, bicha?! Eu sorri e voltamos pra festa.

Claro que eu cheguei bem pertinho dela, abracei-a forte, enchuguei suas lagrimas e dei-lhe um beijo… so que este foi carregado de amizade e consolo! Ficamos um bom tempo nos beijando, depois aconteceu algo que eu realmente nao esperava, mas que foi uma das melhore coisas da minha vida! Logo apos que nos beijamos, ela sorriu maliciosamente e disse: “agora e a minha vez, tambem quero!!!”Acessamos a Internet e começamos a procurar sites com histórias que poderíamos transformar em teatro, com o tempo foi tudo virando uma baderna só e ninguém queria mas saber de teatro. Até que um certo dia, ela não se controlou, caiu de boca, chupando e lambendo, estava muito bom, mas veio na cabeça o pensamento que ela estava como uma puta profissional, pra quem nunca tinha feito, estava muito estranho, mas mesmo assim, eu resolvi curtir o momento, ela sempre quis passar o lado santinha dela, mas eu sempre soube q ela era uma bela safada, depois desse dia, não queria parar de chupar, mas nunca deixou eu gozar nela, tinha um certo receioAté que então depois de tantas mãos bobas, de tanto chupar meu pau, e eu passar a mão na buceta dela, ela não se controlou e falou que queria me dar, veio na minha casa, e não perdeu tempo, logo se despiu, ficou peladinha, e pediu pra mim chupar ela, ela gemeu como uma cachorra no cio, nem se importou se estava sem camisinha, mas quando enfiei o pau, ela não aguentou, pediu pra parar, decidimos então tentar outra vez, aí conseguimos, depois daí, ela só queria darTodos os finais de semana queria ir pra minha casa, entrava no quarto, já fechava as portas pós minha mãe estava em casa, e já caia chupando. ""-Não vai tia, fica aqui com o negão.