Kyky Trans Dando Pro Ficante Negão Dotado No Pelo Em Curitiba

16 min

Categoria:

Tag: , , , , , , ,

visualizações

16 min

Categoria:

Tag: , , , , , , ,

Kyky Trans Dando Pro Ficante Negão Dotado No Pelo Em Curitiba

Kyky Trans Dando Pro Ficante Negão Dotado No Pelo Em Curitiba

Conheci um casal muito legal de cariocas que moravam em Curitiba, ele engenheiro como eu e ela professora.

Nesse dia transamos três vezes foi muito bom. Comecei a gemer e olhei pra meu 2 amigos eles estavam sendo errabados também e a gente gemia,gritava e de repente comecei a sentir um prazer enorme naquele movimento dentro do meu reto,e quando olhei pra nossos pais, eles estavam todos se masturbando e pela primeira vez vi o pau do meu pai e o quanto ele era dotado. Como o colega estava demorando, o policial que estava na viatura resolveu averiguar a situação, encontrou a porta aberta da casa aberta e com certeza escutou os gemidos vindo do quarto, ele entrou no quarto e flagrou minha esposa sendo devorada por aquele negão, o casal animado percebeu a presença do terceiro elemento na cena, ficaram se olhando por um momento, minha esposa saiu de cima do negro e foi em direção ao outro policial, ele estava imóvel, ela tirou a roupa dele e começou a mamar com gosto, ela o puxou pela mão e o levou pra cama, voltou a posição em que estava cavalgando sobre o negro e pediu que o outro policial colocasse no rabo dela, eu não acreditei no que estava vendo, pois ela sempre fazia doce pra fazer anal comigo, e agora ela estava querendo uma dupla penetração, e foi assim que aconteceu, ele colocou por trás e os três quase quebraram a cama de tanto pular, parecia que iriam rasgá-la ao meio de tanta força que metiam nela, quando trocaram de posição o negão pegou-a de quatro, mesmo já tendo sido enrrabada naquela noite ela teve dificuldade para receber toda a ferramenta do negão o rabo, era muito grande, bem maior que a minha e que a do seu colega, mas ele não teve dó, colocou com força tudo dentro daquele rabo enquanto ela tentava mamar o outro policial, e foi assim que eles terminaram a noite, ela gozando muito, o negão enchendo o rabo dela de porra e o policial dando leite quente pra ela na boca, os três cairam sobre a cama, e eu pela internet pude assistir ao vivo minha mulher ser violada por vontade própria por um negão policial que se dizia meu amigo e por seu colega, eu também já tinha gozado várias vezes me masturbando com aquela cena.

Afastei o negão de mim e abri suas calças. então ele me disse que também sentia tesão em mim, aquilo me deixou em êxtase, então Diego sentou na beira da piscina e me disse para me aproximar, fui me aproximando e comecei a segurar no pau dele por cima da cueca, era enorme e logo ele começou a ficar duro, eu então tirei aquele pau da cueca e tive uma surpresa, era enorme (uns 25cm) e também era grosso, eu fiquei até assustado pois nunca tinha visto um pau tão grande assim … logo comecei a chupar aquela jeba monumental, mal cabia na boca de tão grande que era, chupei até enjoar, então fomos para dentro da casa no sofá, Diego estava louco para me comer e eu também estava doido para ver aquela pica enterrada no meu cu, peguei um lubrificante e passei no pau de Diego, depois fiquei de quatro no sofá, Diego começou a roçar o meu cu com aquela pica enorme, então ele começou a forçar o meu cu, mais não entrava, depois de forçar ainda mais ele consegui enfiar a cabeça no meu cu, dei um urro de dor, não conseguia nem aguentar a cabeça imagina o resto, após muito tentar Diego disse que meu cu era muito apertado e que eu poderia me machucar, fiquei triste mais sabia que não aguentaria um pau daquele tamanho no meu cu, era demais, então eu voltei a chupar Diego até ele gozar na minha boca, fiquei coberto de porra … Diego tomou um banho e disse que lamentava, disse que ficava para uma próxima, eu também fiquei triste.